Biografia Leandro Campos Alves

       Leandro Campos Alves, natural da cidade mineira de Liberdade, cidade situada nas altas terras da Mantiqueira mineira.

        Filho de Sebastião Raimundo Alves e Maria Vanda Campos Alves, teve seu nascimento marcado pelos primeiros obstáculos da vida, pois o parto que começou na tarde de uma sexta feira 30 de junho de 1972, só terminou no anoitecer do domingo 02 de julho de 1972.

        Retirado com fórceps resistiu a vida, mas logo nos primeiros anos viu que algo não era normal, ele apresentava certa dificuldade em falar e andar. Após muitos esforços de seus pais, o menino dava seus primeiros passos e murmurava suas primeiras palavras.

        Na época de iniciação escolar, a diretora da escola que o menino estava para se matricular, foi enfática em afirmar que o jovem deveria ser matriculado em uma escola para crianças especiais, pois por falar errado, trocando as letras ele iria atrasar o desenvolvimento dos outros alunos.

        Após muita luta de sua mãe e o apoio de uma professora primaria que veio a ser sua primeira professora de alfabetização, o jovem passou por uma avaliação com uma psicóloga, só após a avaliação sua matricula efetuada.

        Iniciou seus estudos na Escola Estadual Professor José Estevão em Liberdade, e a partir do ensino médio foi aluno na Escola Estadual Frei José Wulff, onde sofreu a sua reprovação na matéria de Português, pois a troca das letras eram normais em suas anotações e avaliações.

        Anos mais tarde descobriram que o jovem era portador de uma deficiência chamada de dislexia, até então desconhecida na década de oitenta. Pois a dislexia é uma deficiência de transtorno genético de linguagem que, estima-se acometer até 17% da população do mundo, pois os disléxicos tem dificuldade de aprender a ler e a escrever porque confundem os sons de algumas letras, ele tratou de vencer estes obstáculos.

        Em 1991 formou com Técnico em Contabilidade, que lhe deu o direito de lecionar no antigo supletivo, também no ensino “técnico de contabilidade” nas matérias de “economia” e “matemática financeira”.

         Foi funcionário da extinta Telemig, e logo após entrou na Companhia de Saneamento do estado de Minas Gerais.

         Casado e pai de dois filhos, além de sua cidade natal foi morador de Pouso Alegre e Carvalhos e Caxambu, todas cidades do estado de Minas Gerais.

        Irmão da Poetisa Deuseli Campos Alves que foi a sua inspiração para a leitura, encontrou no world a ferramenta para arriscar-se no meio literário.

        Após os quarenta anos de vida, surgiu os primeiros trabalhos e prêmios literários.

        Em 2013 foi jurado do concurso de poesias da cidade de Aiuruoca MG; e entre 2014 a 2016 foi colunista literário do portal Divulga Escritor.

      Foi patrono da primeira antologia estudantil do país, as “Antologias Liberdade dos Poetas I e II”, na qual toda editoração e custeio com registros das obras foram feitas por ele, não gerando nenhum custo para os alunos participantes das antologias.

 

Títulos

 

      Membro da Academia Caxambuense de Letras- Cadeira 10 – Patronesse Vera Milward de Carvalho – Julho de 2018.

         Membro Correspondente da Academia de Letras de Teófilo Otoni - Março de 2015.

        Fundador da Delegacia da União Brasileira de Trovadores em Caxambu, outorgando-lhe o Título de Delegado da UBT no município da gestão 2018 à 2020.

           

Obras Publicadas:

 

09/2013 - Romance “Instinto de Sobrevivência”.

02/2014 - Lançou o poema épico “O Lamento de José”.

02/2015 - Publicou o livro de poemas e crônicas “Metáforas da Vida”.

03/2016 - Publicou o livro de bolso, “Sonhos”.

01/2017 - Publicou seu segundo livro de bolso “Revelações”.

07/2017 - Publicou o livro “O Viajante” com 2.022 estrofes e 10.875 versos.

Editoras Clube de Autores e Publique Saraiva.

 

Organizador das Antologias:

 

10/2015- Organizou sua primeira “Antologia Liberdade dos Poetas”.

10/2016 - Organizou sua segunda antologia “II Antologia Liberdade dos Poetas”.

Editoras Clube de Autores e Publique Saraiva.

 

Participações em Antologias:

 

01/2014 - Participou da Antologia “Além do Olhar”, pela Editora Celeiros.

11/2014 - Participou da Antologia “Nasce um Poeta”, pela Editora Sampa.

06/2016 - Participou da Antologia “Poesias Sem Fronteiras, pela Editora Celeiros.

07/2016 - Participou da Antologia Poetas Fazendo Arte “Nas Gerais”, pela Editora Delicatta.

11/2016 - Participou da Antologia “Justiça e Igualdade Social”, pela Editora Celeiros.

02/2017 - Participou da Coletânea “Exercício Poético com Imagem” Produção Independente.

12/2017- Participou da Antologia de Poesia e Prosa “Escritor Marcelo de Oliveira Souza”, pela Editora Celeiros.

05/2018 – Participou da “II Antologia Internacional Criticartes 2018”, pela Biblio Editora.

06/2018 – Participou da “A Fênix Rediviva: Poética da Superação (Antologias Tecendo Tramas e Dramas Livro 1)”, pela editora Amazon.

 

Trabalhos Acadêmicos:

 

11/2015 - Participou “13ª Revista Literária Café-com-Letras” pela academia de letras Teófilo Otoni.

11/2016 - Participou da “14ª Revista Literária Café-com-Letras” pela academia de letras Teófilo Otoni.

09/2017 - Participou da Coletânea “IMORTAIS” publicado pela Academia de Letras do Brasil – ALB.

12/2017 - Participou “15ª Revista Literária Café-com-Letras” pela academia de letras Teófilo Otoni.

05/2018 - Participou da “Coletânea Internacional Inspiração” pela editora Gaya e Academia Internacional de Arte, Letras e Ciências-ALPAS21.

 

Trabalhos internacionais:

 

09/2017 - Participou da “27ª Antologia Logos da Fênix”, E-book publicado em Lisboa – Portugal.

07/2018 - Participou da “Antología Huellas de Inspiración em Sentires de Hombre, uma aventura épica y existencial” - E-book Publicado em português e espanhol nos países da Colômbia, México e Uruguai.

 

Jornais e Revistas:

 

12/2013 - Artigo publicada pela Revista Literária da Lusofonia – Divulga Escritor, edição 04 – ano 2013

04/2014 - Artigo Publicado pela Revista Literária da Lusofonia – Divulga Escritor, edição 06 – ano 2014

01/2014 - Participou de uma nova reportagem para Revista Gota D’água.

09/2014 -Participou da entrevista para o portal Literatura entre Amigos, São Paulo, Capital.

10/2015 - Artigo publicado no Jornal Correio do Papagaio - edição 894.

12/2015 - Artigo publicado no jornal Correio do Papagaio – edição 903.

12/2015 - Artigo no Jornal Panorama - edição 1180.

05/2016 - Publicação no jornal Correio do Papagaio edição 923.

09/2016 - Artigo publicado pela Revista Literária da Lusofonia – Divulga Escritor, edição 22 – ano 2016.

12/2016 - Artigo no jornal Panorama - edição 1394.

09/2017 - Artigo publicado no jornal “Tribuna Liberal” de Sumaré edição 7.285.

 

Premiação literária:

 

06/2016 - Foi finalista do “XII Concurso Literário Poesias sem Fronteiras”.

09/2016 - Recebeu a “Menção Honrosa” pela Academia de Letras de Teófilo Otoni, AMOR VINCIT OMNIA, pelo décimo segundo lugar no I Prêmio Literário Gonzaga Carvalho.

10/2016 - Finalista do “III Concurso Internacional – Justiça e Igualdade Social”.

12/2016 - Finalista do “XXV concurso internacional de poesias Augusto dos Anjos”, promovido pela Academia de Letras de Leopoldina.

12/2016 - Recebeu da Prefeitura Municipal de Liberdade - Adm. 2013/2016 a placa de agradecimento Literário pelo projeto das “Antologias Liberdade dos Poetas I e II”.

09/2017 - Recebeu a “Menção Honrosa” pela Academia de Letras de Teófilo Otoni, AMOR VINCIT OMNIA, pelo quinto lugar no II Prêmio Literário Gonzaga de Carvalho.

08/2017 - Participou da “Coletânea IMORTAIS” – pela Academia Brasileira de Letras do Rio de Janeiro, lançado no auditório do Hotel Copacabana Palace.

11/2017 - Foi autor Destaque Literário pela Academia Internacional de Artes, Letras e Ciência - A Palavras do Século 21 - ALPAS 21 -  com a poesia “Um Dia eu Amei”.

12/2017 - Finalista no V Prêmio Literário “Escritor Marcelo de Oliveira Souza”

05/2018 - Recebeu da Biblio Editora e da Revista Criticartes a condecoração pelo poema “O Tempo” publicado na “II antologia Internacional Criticartes 2018”

06/2018 - Homenagem recebida pela Academia de Letras do Brasil - Seção Minas Gerais. Acróstico biográfico de Leandro Campos Alves, registro 6.702 - 22 de junho de 2018.

 

Menções:

 

03/1990 - Menção no Livro “Reflexos”, lançado pela poetisa Deuseli Campos Alves, em Liberdade Minas Gerais.

06/2014 - Menção de agradecimento no livro “Manuseio de Amar Você” da poetisa Luciana Biachini.

10/2015 - Menção de agradecimento no livro “A Alma de Antonia” da poetisa Antonia Albuquerque.

05/2017 - Menção de agradecimento no livro do escritor paulista Leonardo Rossi “O Canto dos Contos”.

04/2016 - Menção de agradecimento no livro “Versos sem Destino”, da poetisa Luciana Biachini de Uberaba.

01/2018 - Menção no Livro “Condomínio Em Imóveis Rurais e Suas Consequências Jurídico-Sociais: Uma Análise Crítica”, lançado pelo escritor Dehon Campos Alves, através da editora “EDITAR”.

 

Destaque:

 

Em 2017 entrou com processo de reconhecimento no RankBrasil do livro “O Viajante” como o maior poema Épico da atualidade, superando “Os Lusíadas” de Camões que detém este título por mais de meio século.

 

Site oficial: Escritor Leandro Campos Alves.com

Biografia Escritor Leandro Campos Alves

Organizador das Antologias.

        Já é realidade...         Em 2016 estaremos organizando e apadrinhando a “II Antologia Liberdade dos Poetas”.         Prepare seus trabalhos...         Libere o poeta que...
    Aguardem...                   Em dezembro com data ainda a ser confirmada, teremos o lançamento do fruto de um...

Meus Poemas.

Peço a Deus compreensão, para ver tudo diferente. Peço a Deus mais compaixão, para não julgar nossa gente.   Peço a Deus misericórdia, pelos erros da História, pela morte da memória, de Jesus em oratória.   Peço a Deus clemência, pela falta de prudência, ao esquecer a existência, de Sua...
    A maior riqueza de um homem é ser pobre. Nela encontramos...   Saudade, amizade, liberdade, sobriedade, humildade, unidade, reciprocidade, fidelidade.   Que mesmo diante da dificuldade, e da necessidade. Achamos nela a hombridade, para sorrir de felicidade.   Enquanto a...
Ser livre é viver a alegria, sorrir, pular e entrar na folia. Ter o coração aberto, e o corpo desnudo, ou até mesmo coberto.   Ser livre é viver, dançar e encantar. Criar, trabalhar e ser popular, amando quem no caminho encontrar, deixando a tristeza em outro lugar.   Ser belo é fazer o...
A morte que amedronta, vem marcando, ferindo e sangrando. Levando aos que ela encontra, ou, aos que a Deus encanta.   Dói a prematuridade, de uma flor em plena mocidade, ser lançada a história, e acolhido pela eternidade.   Sangra o peito de toda cidade, ao receber a notícia, desta imensa...
Hoje a matemática ficou órfã, perdeu sua operação de multiplicação. Multiplicar conhecimentos, a lealdade e o discernimento.   Multiplicar a verdade, a palavra amiga, o laço de amizade, a voz da autoridade.   Multiplicar o amor pelo ensino, a gana do saber. Nos preparando para o...
Lembro-me daquele tempo, que era uma criança. E minha mãe pelas mãos me conduzia, para ir visitar a minha outra tia, que também se chamava Maria.   Primeiro trajeto da viagem era feito, numa estradinha cheia de curvas, e nos assentos de uma perua, cada passageiro ajeitava-se ao seu...
Tem gente que se acha grande. Tem gente que se acha justo. Tem gente que se acha gente.   Mas nem toda grandeza traz segurança, nem toda justiça é perfeita, nem todo achar nos faz ser gente.   A vida é feita de atos. A gente é feito pelo amor, e o amor... É feito de respeito.   A...
O tempo abranda a dor, cura o corte, cicatriza as lembranças, acalenta a morte, nos enche de esperanças.   O tempo abranda o passado, cura a ferida, apaga o que era errado, harmoniza o presente da vida.   O tempo é o único remédio, que abranda a desilusão, e faz renascer uma nova...
  Se um dia eu amei... Se um dia te conquistei... Digo a ti amor eterno, que minhas declarações são simples palavras, e não mostram o tamanho de meu sentimento.   Como frases jogadas ao vento, elas percorrem espaços, territórios e sonhos. Voam nas asas das promessas, mesmo assim, não...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Prêmios e Artigos.

  Foto: Ilustres Membros da Academia Caxambuense de Letras.      Excelentíssima Senhora Presidente da Academia Caxambuense de Letras Mônica Rosenthal,     Excelentíssimos Senhores Membros da Diretoria;     Excelentíssimas Autoridades que compõem a...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Crônicas de Leandro Campos Alves.

        Um dia, quando adolescente, eu estava sentado no banquinho de madeira dentro de uma mercearia, cujo o proprietário era pai de um grande amigo, quando percebi entrar uma criança meio ressabiada com olhar desconfiado e todo acanhado, olhando na direção do dono...
Foto web           A vida é mesmo cheia de sentimentos, obstáculos, raivas e falta de compreensão.     Sou Paulo e casei-me muito cedo, mas tinha certeza do que queria, pois maturidade nunca me faltou, mas minha impetuosidade sempre esteve comigo, em...
        A crônica que passo a contar, é uma daquelas que todos pensam que só acontece em histórias fictícias das mentes brilhantes de grandes escritores.         Mas a realidade muitas vezes se confunde com as histórias e romances, pois na...
        A rádio que recebeu o nome em homenagem a nossa cidade, “Liberdade”, tem sua origem e fundação uma história que poucas pessoas sabem de verdade, ou, quase ninguém, porque os fundadores da rádio são poucos que estão entre nós, infelizmente.  ...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Contato

Escritor Leandro Campos Alves https://www.clubedeautores.com.br/authors/75816

https://www.facebook.com/escritorleandroalves/

http://busca.saraiva.com.br/q/leandro-campos-alves

https://plus.google.com/u/0/+EscritorLeandroCamposAlves