Eu juro que vi.

 

Eu vi uma arara vermelha

com pitangas nas orelhas.

Eu vi uma cobra jararaca

engolindo uma jaca.

 

Eu vi uma onça pintada

se coçando com a espingarda.

Eu vi o senhor Juvenal

comendo açúcar com sal.

 

Eu vi um dromedário

fazendo tricô no armário.

Eu vi uma baleia dançando

na lua cheia.

 

Eu vi uma canoa na beira da lagoa.

Eu vi um elefante dançando no balanço.

Eu vi uma macaca engolindo uma jaca.

Eu vi o rio fazendo assovio.

Eu vi um sabiá que sabia assoviar.

 

Jefferson Aparecido de Oliveira, nascido em Resende – RJ, aos 25/05/2004, estudante do 4° ano da Escola Municipal Professor José Estevão, em Liberdade – MG quer ser soldado do exército.

 

 

 

Todos direitos estão reservados a "Antologia Liberdade dos Poetas" e ao autor  conforme artigo (Lei 9610/98).

 

Contato

Leandro Campos Alves Caxambu MG / Liberdade MG. leandrocalves@hotmail.com